Nouvelle étiquette du vin Château Lamothe Cissac

Château Lamothe-Cissac Baixe folha de dados em formato PDF

Cissac-Médoc

Denominação: Haut-Médoc
Classificação: qualificado na menção tradicional Cru Bourgeois.

 

Histórico: Os traços de uma casa romana descobertos perto do château mostram que o terroir já era reconhecido nessa época pela produção de vinhos de qualidade. O château Lamothe-Cissac foi comprado por Gabriel Fabre em 1964. A reconstituição da vinha da propriedade e a reconstrução da cuba foram realizadas primeiramente. Vincent Fabre, seu filho, assumiu a gestão da vinícola em 1991.

 

Geologia e solos: Uma parte da vinha  situa-se no município de CISSAC limítrofe em relação à AOC Pauillac e a outra parte da vinha encontra-se no planalto de VERTHEUIL junto da AOC Saint-Estèphe. Os solos são compostos por terrenos argilocalcários e pequenas pedras chamadas de “graves” profundas.

 

Vinhas / castas: Superfície: 33 hectares

Castas: 58% de cabernet sauvignon, 35% de merlot noir, 5% de petit verdot e  2% de cabernet franc.

Idade média da vinha: 30 anos.
Controlo da produção: Desfolha, ervagem entre os bardos, vindima em verde.

 

Vinificação: A vindima é desfolhada a 100%. Tanque moderno adaptado à vinificação dos vinhos tintos de nossa região.  2 a 3 remontagens quotidianas durante as vinificações de 4-6 semanas. A micro-oxigenação efetuada no tanque reforça a estrutura tânica e a intensidade das cores dos vinhos.
 

Envelhecimento: Envelhecimento tradicional durante cerca de 12 meses. Para clarificar os vinhos e lhes dar a oxigenação necessária ao seu envelhecimento são previstas trasfegas em função das provas efetuadas por nossa equipa técnica.

 

Características vinho / Prova:Quando são novos os vinhos do Château Lamothe-Cissac apresentam uma bela cor rubi profunda. Com a aeração podemos encontrar uma grande paleta aromática que associa notas de frutos vermelhos (cássis), frutos cozidos e especiarias doces. Os aromas de baunilha são muito bem integrados. No palato, um conjunto equilibrado, os taninos suaves e em grande quantidade dão lugar a um fim de boca muito delicado. Com belas perspectivas de guarda, esse vinho exprime ao longo dos anos notas de couro, de sub-bosque e de fumet complexas.
 

Harmonização comida / vinhos: Carré de cordeiro, contra-filé bordelense, costela de novilho, queijos.
 

Acondicionamentos: Garrafa, meia garrafa, magnum, magnum duplo, Imperial, Nabuchodonosor.